Festival em Ervália abre espaço para artistas da Serra do Brigadeiro


Fique ligado na #dica! Nos dias 15, 16 e 17 de fevereiro, acontecerá no Bar da Sueli, em Ervália, cidade do entorno da Serra do Brigadeiro, o 1° Festival de Contracultura - Colméia. Organizado pelo Coletivo Refazenda, o evento já tem programações confirmadas, que são: roda de conversa / demonstração sobre graffite, flash de tatuagem, bandas de rock (e outros estilos a confirmar), DJ, break. Programação completa será divulgada em breve.

O coletivo está aberto para todos artistas e talentos que queiram fazer parte da programação. Canta, dança, toca algum instrumento ou faz algum trabalho criativo e quer mostrar? Vem pra Colméia. Os interessados podem entrar em contato com os organizadores pela página no Facebook (clique aqui). No primeiro dia do festival, um palco estará aberto para artistas da Serra se apresentarem.

Integra a programação a edição especial do 'Sarau da Tia Ló', que completou um ano de existência ano passado.

Os integrantes do Coletivo Refazenda contam que as atividades tiveram inicio em 2016, em Ervália, com a mostra de cinema infantil 'Recria Cine'. Na segunda edição da mostra, em 2017, o evento se expandiu para além do cinema, contando também com apresentações e exposições de artes dos artistas locais. "Encerramos o evento com um Sarau, um palco aberto para quem quisesse se apresentar com sua arte e ficamos todos maravilhados com o que as pessoas da cidade tinham para expor".

A partir disso, o grupo passou a organizar um Sarau a cada dois meses, que ficou batizado de 'Sarau da Tia Ló' - em homenagem à Heloísa Lopes, uma poeta da cidade. "Esse ano estamos inaugurando mais um novo evento na cidade, que trata-se justamente do Colmeia - o festival de contracultura que realizaremos em Ervália. Além disso, continuamos com os demais projeto em vigor".

Quem é o Coletivo Refazenda?

O Refazenda é um coletivo de cultura, comunicação e arte que se articula através de redes, com base na economia colaborativa e solidária. O coletivo busca movimentar a cena artística cultural de Ervália, construindo novas formas de se relacionar cultura, arte, comunidade e meio ambiente, em busca de um desenvolvimento sustentável - humano, social, econômico e ambiental - que promova e fomente os artistas e agentes culturais locais.

A partir da diversidade, do empoderamento, da ressignificação e do pertencimento local, através de novas formas de se relacionar com o eu e com o todo, o coletivo pretende usar a cultura e a arte como ferramenta de transformação, ocupando o vazio deixado pelo estado na formação e na circulação cultural da região. Dentre nossas ações, se destacam a Recria Cine - Mostra de Cinema para Crianças e Adolescentes e o Sarau da Tia Ló.

#serradobrigadeiro #ervalia #minasgerais #cultura #contracultura #sarau #coletivo #festival